ITACARÉ

9_praiatiriricag

 

Uma combinação perfeita para os amantes da natureza, protegida por um cinturão de Mata Atlântica, a 64,5 km ao norte de Ilhéus, banhada por inúmeros riachos que desaguam no Oceano Atlântico, destacando-se o Rio de Contas, que nasce ao sul da Chapada Diamantina, atravessa o município numa extensão de 72 km até a foz, a Barra de Itacaré, exatamente onde nasceu a cidade.

3_riocontasg

Em todo o município vivem pouco mais de 20 mil habitantes, tendo como cenário natural uma reserva ecológica que inclui matas virgens, restingas e manguezais, além de outros encantos naturais.

33_trilhaengenhocag

Itacaré é o refúgio dos amantes da natureza, do surfe, da capoeira e da Bahia autêntica.

Com suas ruas de paralelepípedos e seus antigos casarões, a cidade conservou todo o charme do passado. Muitos bares e restaurantes fazem da noite de Itacaré uma das mais animadas da região.

Seu litoral é uma sucessão de praias e de morros cobertos por florestas e coqueirais. As praias localizadas perto da cidade são as mais freqüentadas e possuem boa infra-estrutura turística. As mais afastadas são desertas e lindíssimas, mas poucas oferecem acesso para carros. Há, ainda, algumas praias tão pequenas e escondidas que nem constam nos guias turísticos.

SURF

Sua posição geográfica propicia a formação de grandes ondas, as maiores da Bahia, e de boa qualidade;

Aliada às correntes marinhas, a direção do vento e bancos de areia também contribuem para a boa forma de Ondas Swell.

Boca da Barra – locomotiva-longa direita, só quebra com grandes ondulações, na Foz do Rio de Contas;

Corais – longa esquerda, tubular, só quebra com grandes ondulações;

Resende – pequena baía, buraqueira e pouco freqüentada;

Tiririca – praia central de fácil acesso e ondas tubulares para direita e esquerda recebendo qualquer tipo de ondulação;

Prainha – acesso por trilhas ecológicas passando por cachoeiras; altas ondas e visual alucinante, tubular;

São José – fazenda particular com acesso de barco; pequena baia com boa formação;

Jeribucaçu – formação de direita, acesso de barco;

Engenhoca – acesso difícil, porém tem excelentes ondas, em local paradisíaco;

Camboinha – onda forte, bem manobrável;

Itacarézinho – localizado na Vila de Itacarézinho;

DICAS DE SURF EM ITACARÉ

Itacaré recebe ondas boas durante todo o ano. As condições climáticas mudam a todo instante garantindo sempre a prática do surf. Em qualquer época podem entrar grandes swells. O relevo submarino e as condições geográficas fazem de Itacaré um dos melhores lugares no Brasil para a prática do surf. A temperatura da água sempre é quente variando entre 23 e 30 graus. Uma lycra e um colete de neoprene são necessários para garantir mais horas de surf nos dias mais frios (quando há desconforto com o contraste entre a água quente e o vento mais frio) bem como proteção nos dias quentes contra o sol forte. As pranchas devem ser feitas para ondas tubulares mas que permitam também surfar nas ondas mais cheias (bordas semi-soft) e devem medir de 6’0″ a 6’10” (sendo que para os beachbreaks tubulares a medida padrão é 6’4″ no inverno e 6′ no verão).

VERÃO (Dezembro a Março)

Ondas pequenas e alguns swells que podem assumir características de surf de inverno. Clima bem quente com vento terral pela manhã e maral pela tarde. A cidade fica bem cheia com turistas de todo o Brasil e de outros países e as noites ficam bem animadas. Em Março costuma haver um swell grande de começo de temporada.

OUTONO (Março a Junho)

Ondas pequenas e médias com alguns bons swells de começo de temporada. Não há crowd de turistas a não ser nos feriados. Clima mais ameno intercalando sol e chuva.

INVERNO (Junho a Setembro)

Ondas médias e grandes entre 1 e 3 metros. Frentes frias sucessivas e muita onda todos os dias. Maior predominância de chuva e temperatura ambiente entre 19 e 20 graus. Em julho a cidade se transforma numa autentica Surf City com surfistas de todo o Brasil para o inverno. Época de férias no sudeste do Brasil o que traz uma galera legal para Itacaré. Noites animadas e ondas power sem crowd de manhã cedo ou quando está grande.

PRIMAVERA (Setembro a Dezembro)

Características semelhantes ao outono. As ondas começam a diminuir, mas ganham em perfeição. A cidade só fica crowd nos feriados. Muito vento terral e tubos perfeitos.

Fonte: www.itacaresurf.com.br

HOME  / CANAVIEIRAS /  COMANDATUBA/UNA

OLIVENÇA  / ILHÉUS  / SERRA GRANDE  / ITACARÉ

PASSEIOS /  DICAS&RESERVAS